Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Entrada Actividades Projectos Deteção e parametrização de planetas extrasolares usando o Método das Velocidades Radiais

Deteção e parametrização de planetas extrasolares usando o Método das Velocidades Radiais

Subir um nível
Deteção e parametrização de planetas extrasolares usando o Método das Velocidades Radiais
  1. Proponente: Diana Cunha (Centro de Astrofísica da Universidade do Porto)

Em 1995, Michel Mayor e Didier Queloz anunciaram a descoberta do primeiro planeta a orbitar uma estrela que não o Sol. Desde então, mais de 750 planetas extrasolares foram já detetados, 80% dos quais usando o método das Velocidades Radiais. Simplificando, podemos dizer que este método consiste na medição da oscilação da velocidade radial de uma estrela, isto é, da velocidade da estrela na nossa linha de visão, causada pela presença de um ou mais planetas em torno desta estrela.


O objetivo deste projeto é o de que, com base num conjunto de dados observacionais reais de velocidades radiais, os alunos sejam capazes de determinar se uma estrela poderá, ou não, albergar planetas em seu redor. Em caso afirmativo, os alunos deverão também ser capazes de determinar alguns dos parâmetros do planeta, tais como a sua massa mínima e o seu período de translação.

  1. 8ª Edição
    coordenado por Diana Cunha (2012)
Acções do Documento